Outubro, já??? E nada do que eu planejei deu certo!

Outubro, já??? E nada do que eu planejei deu certo!

E chegamos ao último trimestre de 2018!

Passou rápido? Sim? Não?
Eu não sei responder. Às vezes eu acho que sim, às vezes eu acho que não. O que é fato? Que passou e que só faltam 90 dias para acabar 2018.

E sabe o que é mais impressionante?

Nada (ou quase nada!) do que eu planejei lá em 1.o de janeiro de 2018 aconteceu.

Tudo (ou quase tudo!) foi diferente. E ainda bem que foi assim.

Meus planejamentos no campo profissional foram totalmente alterados, pra melhor. Minha empresa antecipou aquilo que só faria em 2019.

Fisicamente me considero melhor que há 10 anos.

Pessoas que considerava fundamentais se afastaram, outras que eu quase não conhecia passaram a ser imprescindíveis, outras surgiram e tiveram um lugar especial na minha vida, muitas, mas muitas mesmo, se mantiveram em seus lugares no meu coração, outras me surpreenderam, outras me decepcionaram... Tudo isso não estava planejado.

Projetos que estavam engavetados, viraram realidade. Projetos que achei que daria certo não decolaram (ainda!). Pessoas me fizeram de trouxa (usaram do meu trabalho e não honraram!), eu segui confiando nelas e segui me decepcionando, mas agradeço. Sabe porque? Porque aprendi. Tardiamente? Talvez. Mas agora aprendi da melhor forma. Vivenciando!

Procurei amigos. Outros me procuraram. Uns não tiveram tempo pra mim. Tudo bem. Eu tinha tempo pra eles. Mas sério, tudo bem. Eu fico tranquilo que não deixei de pelo menos tentar ter por perto as pessoas que eu gosto. Continuo amando-os. Só não reclamem quando realmente não tivermos mais tempo.

Mantive a mesma postura em todos os meus negócios. Mesmo telefone, respondendo a todas as pessoas que me procuraram para qualquer que seja o assunto. Respondendo uma a uma. Respeitando cada um que passou pela minha vida nestes 9 meses de 2018. Cara na rua! Cabeça erguida e sempre EM FRENTE ou ENFRENTE aos meus desafios.

Um dia eu ouvi que não existe desafio para quem tem capacidade de superar os seus obstáculos. Sabe que eu concordo? No dicionário, desafio tem estas denominações:

Substantivo masculino
1.
ato de desafiar.
2.
chamamento para qualquer modalidade de jogo, peleja, competição etc.
3.
esse jogo, partida, competição etc.
"d. poético"
4.
ato de incitar alguém para que faça algo, ger. além de suas possibilidades.
"aceitou o d., mergulhando de grande altura"
5.
situação ou grande problema a ser vencido ou superado.
"o governo terá de vencer o d. do desemprego"
6.
BRASILEIRISMO•BRASIL
modalidade poética, escrita por um poeta ou cantador, em forma de disputa fictícia entre ele próprio e um adversário, ou entre dois outros contendores.
7.
BRASILEIRISMO•BRASIL
disputa poética em forma de diálogo cantado e improvisado, em que os contendores se alternam na composição de versos que obrigam a uma resposta da parte contrária, sendo derrotado aquele que titubeia ou fica sem resposta.

Pra mim, desafio é uma forma de aprender. De evoluir. De superar-se. De crescer como homem, como humano, como pessoa.

Acrescentem aí!!! (hehehe!)

Enfim, nada do que eu planejei aconteceu até aqui, e quer saber? Que bom! Aliás, que ótimo! Tudo que aprendi até agora neste ano só me fez crescer. Que mais coisas que não estão nos planos aconteçam até o dia 31 de dezembro!!!

Me arrependi de algo? Não. Faria alguma coisa diferente? Não.

A vida é exatamente isso. Uma série de acontecimentos que sempre, em qualquer ocasião, vão sempre, ENSINAR.

A vida, pra mim, é composta por momentos, por ápices. Hoje, eu vivo um deles, graças a tudo que não planejei, e aconteceu.

Bem vindo, Outubro!

FB




Previous Next

PARCEIROS
FABIANO BRASIL